quarta-feira, 22 de outubro de 2008

E abraços não precisam de equipamentos, pilhas ou baterias especiais!


Queria um abraço hoje!!!
De repente deu vontade de um abraço.
Uma vontade de entrelaço, de proximidade.... de amizade, sei lá..
Talvez um aconchego que enfatize a vida e amenize as dores...
Que fale sobre os amores, que seja teimoso e ao mesmo tempo forte.
Deu vontade de poder rever saudade de um abraço. Um abraço que eternize o tempo e preencha todo espaço, mas que faça lembrar do carinho, que surge devagarzinho da magia da união dos corpos, das auras..sei lá..
Lembrar do calor das mãos acariciando as costas a dizer.. "estou aqui."Lembrar do trançar dos braços envolventes e seguros afirmando "estou com você".. Lembrar da transfusão de forças com a suavidade do momento ..sei lá.. abraço...abraço...abraço... abraço...abraço..abraço... abraço...abraço...abraço...
O que importa é a magia deste abraço!
A fusão de energia que harmoniza, integra tudo, e que se traduz no cosmo, no tempo e no espaço.
Só sei que agora deu vontade desse abraço!! Que afaste toda e qualquer angústia. Que desperte a lágrima da alegria, e acalme o coração.. Que traduza a amizade, o amor e a emoção.
E para um abraço assim só pude pensar no abraço de amigos.... nessa sua energia, nessa sua sensibilidade que sabe entender o por quê... dessa vontade desse abraço.

Um comentário:

Viviane disse...

Professora, amei o texto...
Me emocionou...
E com certeza, saiba que quando precisar estarei lá pra te dar o abraço que te acolhe e te encha de carinho...
Com carinho, Viviane!
4º período de pedagogia FASE/CESA
Beijos!